segunda-feira, 31 de julho de 2017

Encontro da Coordenação Estadual da PPI EM 29/07/2017 - Teresina PI

O encontro teve como palestrante Dom Plinio - Bispo da Diocese de Teresina - PI
que com muito amor e dedicação comparece em todos os encontros da Coordenação Estadual.


segunda-feira, 26 de junho de 2017

ORAÇÃO COMUM DOS AGENTES DA PASTORAL DA PESSOA IDOSA
Senhor Jesus, ainda não eras nascido, ou eras somente uma criança, e já idosos alegravam-se com tua chegada.
Adicionar legenda

Eram humildes, eram santos, eram mulheres e homens de esperança. Aqui estamos, Senhor, reunidos para ouvir a tua Palavra. Ela nos fortalece, Ela nos renova, Ela nos inspira ao amor aos nossos idosos.
Que teu Espírito, que alegrou anciãos como Isabel, Zacarias, Simeão e Ana, faça-nos alegres, humildes e santos, para levar-Te aos idosos que estão à tua procura ou esperam tua visita. Que nossas palavras venham da tua Palavra.                                                                                                       Que nossas forças sejam aquelas dos primeiros discípulos e missionários. Tudo o que faziam era com a tua Palavra.                                       Que nossa perseverança se revigore no encontro pessoal contigo.
Que nosso testemunho retrate a tua presença e a tua solidariedade  com os mais fracos. Senhor Deus Pai, embora frágeis, queremos amar os nossos idosos, e amando-os estamos em busca do amor e da  paz que procedem de Ti.
Que Maria visitadora esteja à nossa frente nos nossos encontros e visitas.
Glória ao Pai, ao Filho...

                                                                                         Dom José Antonio Peruzzo

domingo, 10 de julho de 2016

Encontro de formação dos Líderes da Paroquia Cristo Libertador em - 03/07/2016

O Líder Comunitário da Pastoral da Pessoa Idosa é uma pessoa voluntária, que mora na mesma comunidade e que recebeu capacitação para realizar o acompanhamento das pessoas idosas da sua comunidade. Na capacitação que dura em média 12 horas, a pessoa recebe orientação sobre como fazer uma visita domiciliar, sobre cada indicador do acompanhamento às pessoas idosas, sobre vários temas que estão implicados em cada indicador do acompanhamento e sobre o sistema de informação: caderno do líder e a FADOPI - Folha de Acompanhamento Domiciliar da Pessoa Idosa.
Qualquer pessoa pode ser um voluntário em sua comunidade ou em seu prédio para acompanhar os idosos através da Pastoral da Pessoa Idosa.
  Atividades do Líder Comunitário da PPI                       - faz visita domiciliar mensal aos idosos que estão cadastrados no seu caderno;                                            - visita em média 10 a 12 idosos da sua vizinhança ou do seu prédio, como voluntário, com espírito missionário a serviço da vida e da esperança, dando sempre preferência aos mais necessitados, seja pela sua condição social, pelo isolamento em que vive, pela solidão que sofre, pela idade avançada ou dependência por alguma enfermidade; 
-segue os passos de Jesus que veio para servir e não para ser servido;           - escuta com paciência, sabe dar atenção, tem uma postura discreta;                                            - não faz distinção de pessoas, visita a todos, independente de seu credo religioso, sua raça, suas opções político/ partidário ou seu estilo de vida;
- faz a ponte entre a família e a comunidade;
- estimula a que o idoso participe, dentro de suas possibilidades, das atividades da comunidade, especialmente às destinadas às pessoas idosas;                                                                                                                        - orienta sobre os serviços que estão disponíveis na comunidade para atendê-los em suas necessidades;                                                                                  - participa de uma reunião mensal com os demais líderes comunitários de sua comunidade para avaliação, reflexão, continuidade de sua formação que deve ser permanente e para o fortalecimento da missão de voluntário nesta Pastoral.
Nesta mesma reunião mensal, é feito o preenchimento da FADOPI - Folha de Acompanhamento Domiciliar da Pessoa Idosa - a partir do caderno de cada líder, que, após preenchida é enviada à coordenadora paroquial para revisar, assinar e enviar à Coordenação Nacional da Pastoral da Pessoa Idosa para ser incluída no Sistema de Informação.
Técnica de avaliação do encontro de formação
Comunidade Nossa Senhora de Fátima
Lembrem-se


Idosos e a Lei 
Politica Nacional do Idoso - Lei nº 8.842 de 4 de janeiro de 1994






Encontro de formação dos Líderes da Paroquia Cristo Libertador em - 03/07/2016

O Líder Comunitário da Pastoral da Pessoa Idosa é uma pessoa voluntária, que mora na mesma comunidade e que recebeu capacitação para realizar o acompanhamento das pessoas idosas da sua comunidade. Na capacitação que dura em média 12 horas, a pessoa recebe orientação sobre como fazer uma visita domiciliar, sobre cada indicador do acompanhamento às pessoas idosas, sobre vários temas que estão implicados em cada indicador do acompanhamento e sobre o sistema de informação: caderno do líder e a FADOPI - Folha de Acompanhamento Domiciliar da Pessoa Idosa.
Qualquer pessoa pode ser um voluntário em sua comunidade ou em seu prédio para acompanhar os idosos através da Pastoral da Pessoa Idosa.
  Atividades do Líder Comunitário da PPI                       - faz visita domiciliar mensal aos idosos que estão cadastrados no seu caderno;                                            - visita em média 10 a 12 idosos da sua vizinhança ou do seu prédio, como voluntário, com espírito missionário a serviço da vida e da esperança, dando sempre preferência aos mais necessitados, seja pela sua condição social, pelo isolamento em que vive, pela solidão que sofre, pela idade avançada ou dependência por alguma enfermidade; 
-segue os passos de Jesus que veio para servir e não para ser servido;           - escuta com paciência, sabe dar atenção, tem uma postura discreta;                                            - não faz distinção de pessoas, visita a todos, independente de seu credo religioso, sua raça, suas opções político/ partidário ou seu estilo de vida;
- faz a ponte entre a família e a comunidade;
- estimula a que o idoso participe, dentro de suas possibilidades, das atividades da comunidade, especialmente às destinadas às pessoas idosas;                                                                                                                        - orienta sobre os serviços que estão disponíveis na comunidade para atendê-los em suas necessidades;                                                                                  - participa de uma reunião mensal com os demais líderes comunitários de sua comunidade para avaliação, reflexão, continuidade de sua formação que deve ser permanente e para o fortalecimento da missão de voluntário nesta Pastoral.
Nesta mesma reunião mensal, é feito o preenchimento da FADOPI - Folha de Acompanhamento Domiciliar da Pessoa Idosa - a partir do caderno de cada líder, que, após preenchida é enviada à coordenadora paroquial para revisar, assinar e enviar à Coordenação Nacional da Pastoral da Pessoa Idosa para ser incluída no Sistema de Informação.
Técnica de avaliação do encontro de formação
Comunidade Nossa Senhora de Fátima
Lembrem-se


Idosos e a Lei 
Politica Nacional do Idoso - Lei nº 8.842 de 4 de janeiro de 1994








Pastoral da Pessoa Idosa: Qual é a missão? Como participar?